Palavras Diversas

Desde 2010 observando política, mídia e sociedade

Mera coincidência? Sem água, sem pesquisa eleitoral em São Paulo

Sistema Cantareira seca e pesquisas eleitorais para governador de São Paulo não são publicadas. Alckmin é beneficiado com o início tardio das discussões eleitorais no estado mais rico do Brasil

Sistema Cantareira seca e pesquisas eleitorais para governador de São Paulo não são publicadas. Alckmin é beneficiado com o início tardio das discussões eleitorais no estado mais rico do Brasil

A pouco menos de 5 meses do primeiro turno das eleições, a toda semana brota uma nova pesquisa eleitoral para medir a preferência do eleitor para presidente da República, solicitadas (e pagas) por confederações patronais, redes de televisão, revistas semanais e um grande jornal impresso de São Paulo.

A profusão de levantamentos gera um fato que pretende interferir na vontade do eleitorado, ditando tendências que se confirmam (ou não) nas consultas seguintes.

Mas a questão que intriga é saber porquê o estado mais rico do Brasil não tem uma nova pesquisa publicada desde dezembro de 2013.

A ausência de pesquisas eleitorais costuma ajudar a quem está no governo e passa uma ideia de que os cenários pouco mudaram. Por outro lado cria-se um ambiente de pouco interesse e discussão política, ao contrário do que ocorre na disputa presidencial onde a pauta dos institutos de pesquisas e seus resultados ganham espaços de muito destaque na imprensa.

Nenhuma rede de televisão, como a Globo SP, confederação patronal, como a Fiesp, ou mesmo os grandes jornais locais, como a Folha de São Paulo e o Estadão se interessam em saber o que pensa o eleitor paulista sobre as eleições para governador?

No último levantamento Alckmin tinha 43% das intenções de voto no Datafolha, pouco antes do natal.

Logo após este período surgiu a crise de abastecimento de água e um pouco mais depois começou o racionamento de água, batizado de “rodízio” pelo governo de São Paulo e assimilado pela imprensa.

Pode até ser mera coincidência entre estes fatos, a interrupção das pesquisas para governador no momento e o inicio da crise hídrica, mas o fato concreto é que tal silêncio somente beneficia Alckmin, já que a crise é resultado de falta de investimentos de seu governo nesta área e isto poderia materializar-se em índices baixos de popularidade e de intenções de votos.

Em 2012 na eleição municipal paulistana este expediente foi utilizado e poucas pesquisas foram divulgadas, coincidentemente, beneficiando o candidato de Kassab, José Serra, que mesmo poupado por consultas menos frequentes, foi derrotado por Fernando Haddad.

Talvez por isso os levantamentos não foram feitos com antecedência razoável naquele ano (ou pelo menos publicados)?

O mesmo estará ocorrendo agora?

Geralmente as equipes dos candidatos e os partidos que os apoiam fazem diversas encomendas de pesquisas para verificar o ambiente político e suas reais condições no pleito.

Não são obrigados a publicar, mas a grande imprensa que se arroga serviçal dos interesses da sociedade pode, se quiser, encomendar e publicar as pesquisas eleitorais. Nada os impedem, apenas seus próprios interesses.

No Rio de Janeiro, por exemplo, já foram feitas algumas pesquisas neste período de seca de consultas populares e de água em São Paulo.

Anúncios

6 comentários em “Mera coincidência? Sem água, sem pesquisa eleitoral em São Paulo

  1. adolescenti2013
    30/05/2014

    Não é “A pouco menos”.
    É “Há pouco menos”.
    É um erro de português muito frequente.

    Curtir

  2. joedes machado
    21/05/2014

    Ola,
    Quero fazer aqui um alerta URGENTE. A seca que se iniciou, ira se prolongar por 7 anos. todos os rios e lagos, irão secar, a seca se estendera por todo planeta, A PRESIDENTA DILMA, DEVE SE PREPARAR PARA CONTER OS TUMULTOS QUE IRÃO SURGIR, DEVIDO A FALTA DE ÁGUA E DE ALIMENTOS, O EXERCITO DEVE FORTALECER A SEGURANÇA NACIONAL, POIS A POLICIA CONVENCIONAL NÃO CONSEGUIRA CONTER A POPULAÇÃO, QUE CULPARA O GOVERNO PELO CAUS.
    A Presidenta, deve imediatamente criar politicas de contenção de recursos hídricos e alimentícios, o lençol freático deve ser preservado, e deve ser usado, apenas pela população em suas necessidades mais básicas, Industrias e empresas não devem usar as preciosas águas do lençol freático para produção, se isso ocorrer, haverá extinção em massa.
    A Presidenta devera ainda, frear a exportação de alimentos, e com isso estoca-los para a sobrevivência da população.
    Estive ai no palácio do Planalto, conversando com o assessor JORGE LUIZ DE LIMA, informei a ele sobre a seca que estaria para começar, ele me pediu que procurasse algum astrônomo para que documentasse o que eu havia falado, mas quando procurei os astrônomos, eles não se dispuseram a me fornecer tal documentação, visto eu, que não foram tomadas nenhuma providencia, resolvi novamente alertar a presidência sobre o que esta por vir.
    Enviei emails, a todas as secretarias da prefeitura e do governo do estado de são paulo, visto que eles já estão experimentando os efeitos do incio dessa seca, e simplesmente me ignorarão.
    O MOTIVO DA SECA E: ALTERAÇÃO NA POSIÇÃO DA LUA, ALTERAÇÕES EM TODOS SISTEMA SOLAR, POR INFLUENCIA DE UM CORPO GIGANTESCO VINDO DO ESPAÇO, DIRETAMENTE SOBRE NOS.
    OS SETORES DO GOVERNO RELACIONADOS COM A ASTRONOMIA, DEVEM CHECAR ESSAS INFORMAÇÕES, PARA QUE VEJAM QUE ESTOU CERTO SOBRE SOBRE ISSO E CASO NÃO COMECEM AGORA OS PREPARATIVOS, NÃO HAVERÁ MAIS TEMPO.
    OBS: AS TEMPESTADES E GRANIZOS que estão caindo sobre o brasil, e devido a pulverização indiscriminada por aviões do governo sobre as nuvens, na tentativa de fazer chover. SEI QUE ISSO E PRECISO, VISTO QUE A SECA JÁ COMEÇOU, mas a população deve ser alertada sobre as possíveis mudanças drásticas no clima nas regiões pulverizadas pelos aviões para fazer chover.
    PRA COMEÇAR: Uzém o programa GOOGLE EARTH NO MODO EXPLORAR CÉU, e vejam as imagens reais de satélites da NASA americana, usando essas coordenas: 22h 35m 55s -04:25:15 aqui poderão ver o corpo celeste, gigantesco ainda não catalogado pela NASA. eles já sabem, mas não dizem nada aos outros governos, já que pensam que não ha solução. pois as reações não sera apenas a seca, todo clima da terra mudara, haverá realmente um caus, que os governos não poderão lidar.
    quando começa? já começou.
    Estou a disposição de vocês, para mais esclarecimentos.
    PROF. JOEDES. (FACULDADE BRASIL CENTRAL DE GOIANA) / 62 – 9650-4827 / 62 9130-3820

    Curtir

    • Igor
      23/05/2014

      Como que pode ter gente com esse tempo td?! sério…

      Curtir

    • Raí Araujo
      24/05/2014

      Este mesmo tipo de castastrofismo, foi bastante comum, nos governos federais anteriores petistas, no que concerne, às eternas secas do Nordeste, e a incapacidade dos nossos governos, em resolver o problema da irrigação, utilizando as águas do São Francisco, porem somente com vontade política, o Lula iniciou, e a Dilma vai entregar a transposição do “velho Chico” aos nordestinos,e acabar com a indústria da sêca, que beneficiou durantes décadas, os políticos e coronéis do Nordeste.
      Perto desta obra, considerada uma utopia, ao ser “pensada” o problema de São Paulo, é “bico”. Só falta vontade política, e nem precisa da interferência do governo federal, o Padilha, se ganhar a sucessão paulista, resolve isso em dois tempos.

      Curtir

    • Carlos Júnio
      24/05/2014

      Todo clima da terra mudará, a chegada de um planeta, kkkkkkk. Só vai ficar com medo dessa merda escrita quem for ignorante cientifico. Adeptos a teorias da conspiração são um porre na internet, não podem ver qualquer problema acontecendo, que logo já começa a lançar suas hipóteses sem qualquer fundamento falando qualquer merda fora da realidade. O pior ainda usa o nome da ciência, como se fosse escrita baseada nela. Por favor cara, vai se tratar.

      Curtir

  3. florencio1
    14/05/2014

    Republicou isso em Florencio1's Blog.

    Curtir

Deixe aqui seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Democratização da mídia, apóie!

Seja amigo do Barão!

Digite seu e-mail para seguir este blog e receber notificações de novos posts.

Junte-se a 3.450 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: