Palavras Diversas

Desde 2010 observando política, mídia e sociedade

José Alencar: O companheiro de todas as horas

Foto: Ricardo Stuckert/PR

 “Era uma relação de irmãos e companheiros”, disse Lula ao saber da morte do amigo José Alencar

O Brasil se solidariza com os familiares e amigos de José Alencar, lutador incansável pela vida, brasileiro que superou todas as dificuldades que a vida lhe apresentou e trilhou seu caminho como exemplo de superação e vitória. Quis Deus que se encerrasse hoje sua trajetória na Terra, que esteja em paz.

Em sua memória republicamos post de 15 de novembro de 2010, em que destacamos seu espírito de lealdade e correção, além de sua inestimável colaboração para a construção do Brasil mais justo que vivemos hoje:
 
A balança fiel

O vice-presidente José Alencar, personagem que encarnou a manutenção dos compromissos com os contratos estabelecidos, o sinalizador de responsabilidades econômicas junto ao mercado financeiro e ao setor produtivo, em 2002, tornou-se também, sinônimo de fidelidade e lealdade ao governo de Lula.

O arranjo costurado em 2002 entre o PT e o PL, para dar a candidatura de Lula o simbolismo da necessária junção política social/política econômica, foi, em um primeiro momento desacreditado por setores da esquerda e taxado de improvável por setores da imprensa conservadora.
Previa-se (os mesmos que previram a derrota de Lula em 2006 e a derrota de Dilma em 2010) que, caso eleitos, esta aliança estaria fadada ao fracasso e seria desfeita na primeira crise programática.
Prognósticos errados…Alencar assumiu o governo diversas vezes, mesmo externando suas divergências nunca portou-se de maneira desleal.

Alencar sempre se apresentou discretamente, mas com uma postura crítica, principalmente, nos tempos da política de juros mais conservadores do período de Palocci e de Meirelles.
Críticas duras, mas sem perder o espírito de lealdade para com o governo.  Sem descambar para a opinião oportunista e de apelo fácil.

Na história recente do país, excetuando-se Sarney e Itamar, vice-presidentes que assumiram o governo por conta da morte de Tancredo e do impeachment de Collor, um vice-presidente teve tamanha popularidade e liderança, mantendo seu papel constitucional e sua atuação dentro do governo, sem extrapolar suas funções.
Atuou na crise de setores das forças armadas descontentes com o governo e acumulou a pasta da Defesa em 2004, onde permaneceu até 2006, a pedido de Lula.
Em 2009 foi considerado um dos 100 brasileiros mais influentes do país.

Tal como Lula, teve origem humilde, talvez por isso, mesmo sendo um dos maiores empresários do país, compactuou e acreditou na política social do governo que participa a oito anos.  Porque viveu muitos de seus anos no “andar de baixo”, possa ser compreendido desta forma: o reconhecimento das origens, independente de onde se esteja atualmente.

Creio que muitos vejam o vice-presidente como um homem de ideais, leal, amigo dos mais pobres, um incansável lutador contra as injustiças e pela vida, entre outras qualificações.
Creio também que Alencar tem muitos defeitos, como qualquer ser humano, explorando o tema e eles seriam apresentados, não como demérito, mas como sinônimo de humanidade.

Definitivamente Alencar não é perfeito.

A disposição que mantém em lutar pelo projeto político que abraçou em 2002  e na batalha que trava contra o câncer e , ainda assim, se dispor a votar no segundo turno, mesmo internado e sob delicados cuidados médicos, impressionam.  Entendia que, em uma eleição acirrada e radical, não poderia deixar de contribuir, com seu voto, com o significado de, mesmo enfermo, dar a parte que lhe cabia para vencer.  Nada é pouco, todo esforço tem seu valor no todo.

Enfim, um post de admiração e reconhecimento.

Anúncios

Deixe aqui seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Informação

Publicado em 29/03/2011 por em Uncategorized.

Democratização da mídia, apóie!

Seja amigo do Barão!

Digite seu e-mail para seguir este blog e receber notificações de novos posts.

Junte-se a 3.451 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: