Palavras Diversas

Desde 2010 observando política, mídia e sociedade

O Brasil no processo de paz no Oriente Médio: Itamaraty reconhece Estado Palestino pré 1967

Mais um lance ousado, coerente e soberano da política externa do governo brasileiro, marcando, definitivamente, seu espaço no tabuleiro mundial nas rodadas do processo de paz: fortalecendo a onda dissonante do pensamento hegemônico sobre o conflito Israel e Palestina.



Ilustração História UPF


Brasil reconhece Estado Palestino com fronteiras de 67

Segundo o Itamaraty, o anúncio não prejudicará as relações com Israel, ‘que nunca foram tão robustas’

O Itamaraty divulgou nesta sexta-feira carta em que o governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva diz “reconhecer o Estado Palestino nas fronteiras de 1967”, em resposta a pedido do presidente da Autoridade Palestina, Mahmoud Abbas.
Segundo o ministério, Abbas mandou uma carta a Lula em 24 de novembro, solicitando o reconhecimento brasileiro de um Estado que inclua os territórios palestinos ocupados por Israel na Guerra dos Seis Dias (1967).

Lula, que em seu mandato fez esforço para envolver-se nas negociações de paz no Oriente Médio, respondeu a Abbas que “o reconhecimento do Estado palestino é parte da convicção brasileira de que um processo negociador que resulte em dois Estados convivendo pacificamente e em segurança é o melhor caminho para a paz no Oriente Médio. (…) O Brasil estará sempre pronto a ajudar no que for necessário”.

Segundo o comunicado do Itamaraty, “a iniciativa é coerente com a disposição histórica do Brasil de contribuir para o processo de paz entre Israel e Palestina” e reitera apoio à solução de dois Estados para dois povos.

Lula escreveu a Abbas que considerava sua solicitação “justa”, ressaltando que “o entendimento do governo brasileiro é de que somente o diálogo e a convivência pacífica com os vizinhos farão avançar verdadeiramente a causa palestina”.

Segundo o Itamaraty, o anúncio não prejudicará as relações com Israel, “que nunca foram tão robustas”. Em março, Lula fez a primeira visita de um chefe de Estado brasileiro a Israel, retribuindo visita de seu par israelense, Shimon Peres.

Último Segundo

Anúncios

Um comentário em “O Brasil no processo de paz no Oriente Médio: Itamaraty reconhece Estado Palestino pré 1967

  1. Agora é só aguardar o que os jornalões brasileiros vão escrever sobre o assunto, bem como o Estado de Israel que acha sempre correto as suas ações contra os Palestinos.

    Curtir

Deixe aqui seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Informação

Publicado em 03/12/2010 por em Uncategorized.

Democratização da mídia, apóie!

Seja amigo do Barão!

Digite seu e-mail para seguir este blog e receber notificações de novos posts.

Junte-se a 3.450 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: