Palavras Diversas

Desde 2010 observando política, mídia e sociedade

A crise do time da Oposição: pontapés pra todo lado


A tragicômica escolha de um vice para Serra: Álvaro Dias, César Maia e José Serra discutindo a melhor “estratégia” da oposição

A crise é onde mesmo?

Palavras de Ronaldo Caiado, cacique do DEM (novo nome do velho PFL), aliado de primeira hora do PSDB, partidos siameses, ao saber da decisão da cúpula da campanha de Serra, que diz trabalhar pela unidade do Brasil, sobre a escolha de Álvaro Dias para vice:

-“Na hora do jogo do Brasil [hoje, contra a seleção de Portugal], um assessor me disse que o Roberto Jefferson [deputado cassado do PTB] anunciou no Twitter que o vice do Serra seria o Álvaro Dias. Na mesma hora eu liguei para o Rodrigo Maia [deputado e presidente nacional do DEM]. O Rodrigo checou e me ligou de volta dizendo que o Sérgio Guerra [senador e presidente nacional do PSDB] havia dito para ele ficar calmo, que isso ainda não estava decidido. Ou seja, eles não tiveram coragem de nos comunicar a decisão”. O poder do Serra de desorganizar as coisas é fora do comum. O Álvaro Dias não acrescenta nada e desagrega muito”

“Indagado se não seria prejudicado em Goiás, pois é candidato a mais um mandato de deputado, respondeu: “Eu não ganho votos apoiando o Serra. Eu transfiro votos pra ele”.

Palavras de César Maia, outro aliado do DEM, sobre a “estratégia” dos irmãos tucanos:
“Foi lançado ontem em SP o livro: “Estratégias de Como Perder uma Eleição”. Editora Labirinto”.

E disparou:

“Aliás, o sotaque do senador Dias vai chegar muito bem ao Nordeste……argh!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!”.

Demóstenes Torres, senador do DEM entrega os pontos e diz que a candidatura de Serra “não é nenhuma Ferrari”.

Será que a imprensa (aliada) dará tratamento em tons de dramaticidade real à concreta crise que se estabeleceu no ninho tucano ou apenas vai dar aquela “pinçadinha amiga”, procurando aqueles argumentos gastos para salvar a pele dos seus???

Crise sem tamanho, em uma candidatura que nasce velha, não encontra políticos que queiram ocupar a vaga de vice, sem perder a oportunidade de se elegerem em outros cargos, e quando alguém se dispõe (ou se impõe), abre enorme crise pela rejeição e quebra de acordos internos.

Simbolismo do que representa a candidatura Serra: quebra de confiança entre os aliados e ausência total de respeito aos compromissos firmados.
O eleitor pode se perguntar: se assim é entre os seus, como crer nos compromissos (muitos contraditórios, aquilo que nunca praticaram)que prometem na pré-campanha?

As palavras do personagem mor da polêmica, o senador tucano Álvaro Dias:
“Se o DEM tiver que sair, saio eu”. O senador se considera a melhor opção como vice de Serra. “É normal que o DEM aspire à posição. É legítimo, mas sempre vai prevalecer a vontade da maioria. Até onde eu sei há um aval positivo dos nossos aliados. O DEM é um partido da base e imprescindível ao nosso projeto”.

Roberto Jefferson, presidente do PTB, outro partido de apoio à Serra, além de político desagregador e bastante discutível, prova que gosta das “fortes emoções” de um drama, discorda de Dias, despeja litros de gasolina na fogueira e deixou público no seu twitter a frase que se lê “O DEM é uma merda”.


Unidade? Um dos lemas da candidatura Serra é “trabalhar para unir todos os brasileiros”, mas…Segundo a página on line do Jornal “O Povo”, um integrante do Diretório Nacional do DEM teria afirmado, com a irritação à flor da pele: “Se tivéssemos um nome alternativo (candidato à presidência), já teríamos mandato o Serra para aquele lugar”.

Uma novela com ares de tragi-comédia, a escolha de um vice para Serra…

Roberto Jefferson, Sérgio Guerra, Alvaro Dias, FHC, Rodrigo Maia, Roberto Freire, Alckmin, César Maia, Caiado, Kátia Abreu e Serra…Uma escalação de legítimos “cabeças de área” que sabem “entrar firme” (até entre si), mas não conseguem coordenar uma só jogada eficiente.

Falência múltipla, apenas a imprensa mantém viva uma candidatura remendada, confusa e repleta de trapalhadas.


Bookmark and Share

Anúncios

Deixe aqui seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Informação

Publicado em 26/06/2010 por em Uncategorized.

Democratização da mídia, apóie!

Seja amigo do Barão!

Digite seu e-mail para seguir este blog e receber notificações de novos posts.

Junte-se a 3.451 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: